fev
08
Alerta de tendência em acessórios: suspensórios

Ab_suspensórios

Quem gosta de brincar com o próprio estilo sabe que é de lei vasculhar de vez em quando o guarda-roupa dos meninos, e pinçar de lá alguma coisa: calças mais folgadas, camisões, abotoaduras…as peças e acessórios masculinos fazem um hi-lo magnífico quando incorporados aos nossos looks. Afinal, quem até hoje não usa as calças boyfriend com um scarpin impecável, coque, e batonzão gritando?

Pois bem, como mais uma prova do que falei, eis que lá fora as meninas resolveram pegar os suspensórios emprestado dos bofes e utilizar nos looks? Isso é novidade? Que nada, até eu tenho look velho aqui pelo blog utilizando suspensório…o que quero postando esse “alerta” na verdade é convidar vocês para essa brincadeira de estilo, descolar uns suspensórios estilosos e sair por aí toda trabalhada na personalidade.

E, para dar uma mãozinha, selecionei uns looks maravilhosos com as meninas usando suspensórios de um jeito bem feminino, merecendo destaque nessa seleção a Selena Gomez, que deixou os suspensórios soltinhos mesmo ao longo das pernas, um truque de estilo que já quero adotar!


Susp_selection

Depois de ver essas imagens não tem como não querer usar suspensórios, né?

assinatura2

fev
06
Direto dos anos 90, o scrunchie ataca novamente (e divide opiniões)

20140206-202829.jpg

Tenho dito a vocês há bastante tempo que os anos 80 e os 90 vêm se infiltrando na moda, forçando a barra mesmo: ombreiras-Didi, cores fluo, camisas xadrez estilo grunge, coturnos…tudo isso fez parte das décadas citadas, e, me parece, elas não vão deixar de ser influência tão cedo no mundo da moda. Isso que digo é tão verdade que tava com dois posts na agulha sobre tendências das décadas citadas, e um deles é o de hoje, sobre a volta das “xuxinhas” de tecido, os chamados scrunchies.

Olha, nem tô aí com vocês, mas já vi algumas boquinhas entortarem pra esse acessório, mas vamos ser sincera, das meninas dos anos 80/90 atire a primeira pedra que não teve/desejou um scrunchie Pakalolo! Era tendência total, agregava valor ao look, era o scrunchie-ostentação. Depois, a gente cresce, começa achar um tico kitsch, e agora fica como eu, doida pra usar um scrunchie do jeito que as meninas tão usando agora, ornando o coque, ou o rabo de cavalo. Bipolar? Só um tico hahahahah

Em verdade vos digo: não sou muito de taxar, porque já vi várias coisas levarem o estigma de “brega”, mas que ficaram magníficas quando usadas por alguém com estilo, alguém que segure o look. E busquei nas imagens de hoje justamente isso: jeitos estilosos de usar o scrunchie, deixando-o repaginado para o século 21.

Então, simbora acender comigo o desejo de usar scrunchie nesse calorão?

20140206-203748.jpg

20140206-203807.jpg

20140206-203827.jpg

20140206-203853.jpg

Massa, né? Tô tentando aprender a fazer um, e se conseguir penso em fazer um vídeo DIY, que acham?

assinatura2

dez
26
Como usar rosa sem parecer uma Barbie (ou Elle Woods)

Ab_Pl

Se vocês me perguntarem uma cor que amo, direi sem titubear: é o rosa. Só que, como uma grande parcela das mulheres, tenho uma certa dificuldade em usar essa cor,  medinho de parecer saída de uma caixa da Mattel, ou do filme Legalmente Loira. Mas já manjei dos paranauê de se usar rosa, se vocês prestarem atenção aos looks que separei para vocês, a fórmula se resume a uma palavra: equilíbrio.

Mas, como assim, Rose, tô na mesma, equilíbrio de quê? Vamo lá, em cada grupo de imagens tenho algumas considerações a fazer, o que vai ajudar, MUITO, a gente a usar rosa de maneira tranqüila, com estilo.

1ª dica: nos looks inteiramente rosa – e aqui falo dos ternos e tailleurs – o segredo é usar acessórios mais “adultos”, ou mesmo mais clássicos, e peças com corte minimalista, sem muita firula, porque ninguém merece um blazer com babado, botão dourado e ombreira do Didi, né? Já pesamos a mão na cor, vamos maneirar no corte.

Quanto aos blazers, o segredo é fazer aquele hi-lo esperto: vejam que as meninas coordenam os blazers com shorts rasgados, espadrilles…as calças nessa cor pedem uma parte de cima bem de boa: a velha camiseta básica branca, a camisa jeans, ou mesmo uma blusa com corte mais feminino são dicas quentes pra combinar com peça rosa. Lembremos: clean é palavra de ordem nos looks all pink.

pink_calças_ternos

2ª dica: usar shortinho ou sainha rosa te deixa automaticamente uma boneca Polly. Portanto, muita calma nessa hora, porque mesmo quando a gente quer fazer a linha romântica(vocês sabem, sainha godê rosa, e tals), é importante dar uma pitada “Monster High” nessa parada, e aí pode ser um oclão, uma pulseira mais pesada, um scarpin rocker, uma jaqueta bomber…em verdade, a segunda dica tem muito da primeira, só que aplico aqui em outras peças que não o blazer, calça ou tailleur.

Ah, a mesma lógica a gente usa nos vestidos e blusas cor-de-rosa, vejam que a gente vê uma imagem dessa, passa o olho dos pés à cabeça, enxerga a peça rosa, mas não associa à boneca, principalmente por causa dos acessórios, das peças que se coordenam com escolhida rosa, portanto, é usar a cabeça pra montação, fazer o teste da olhada no espelho e PÁ, você sai linda e abalante com sua roupitcha rosa!

pink_saias_shorts

Pink_vestidos_blusas

Bom, vocês viram que postei duas dicas que se desdobram em mais algumas sobre como usar o rosa, só que não pára por aí; tenho certeza de que vocês têm coisas interessantes a compartilhar, então, que tal comentar aqui pra agregar valor a esse post? Tô esperando!

assinatura2

out
23
Pra se inspirar: estampa de frutas

20131023-224522.jpg

Não tem como escapar da onda Carmem Miranda que inunda a moda. Esse vai ser o verão, sem dúvida, do tropicalismo, e aí falo de estampas de folhagens, animais como tucanos, papagaios (Zé Carioca included), e uma das estamparias que mais gosto, a de frutinhas. Quem me conhece sabe que sempre fui vidrada por estampa, e sendo fofa, iiiih, nem se fala! Então, vou aproveitar essa vibe pra usar bem muito algumas peças que já tinha, e costurar outras, porque né, roupa alegre pra mim nunca é demais.

Mas, voltando às frutas, essas são caso de amor antigo da moda, tenho imagens dos anos 40 e 50, por exemplo, com moçoilas trajando peças com estampa com essa padronagem(a abertura do post é de uma Vogue de 1954). Porém, o estouro mais recente veio com Stella McCartney e um desfile repleto de frutas cítricas impressas nas peças, e também com Isolda London, com sainhas com cajus e goiabas estampadas. No Brasil, a Farm produziu uma minicoleção com estampa de frutas…separei algumas imagens pra ilustrar, e inspirar, claro!

20131023-225346.jpg

20131023-225421.jpg

20131023-225439.jpg

20131023-225458.jpg

20131023-225519.jpg

Image-1

Muita coisa, né? Bom, como eu sei que algumas perguntarão como usar estampa de fruta sem parecer um pano de prato ou toalha de mesa de cantina, já respondo, não tem mistério: usar acessórios neutros, e peças mais básicas para terminar a composição é acerto na certa pra gente sair linda, sem parecer que tá indo pro palco do Ixxxquenta da Casé.
E aí, quem se habilita a curtir a estamparia de frutas? Eu tô dentro!

set
13
Da sexta: saia-envelope do amor!

Vestir uma roupa confortável significa. Muito. E se for confortável e linda, aí, minha gente, é amor em cubinhos!!!

Com esse calor de Natal, primavera chegando, verão também, aposto bastante no combo saia longa-body pra deixar a vida das meninas que vão veranear mais prática. Seguindo na dica, hoje elegi uma saia envelope que titia fez pra mim, a coisa mais linda do mundo, com estampa bem tropical, pus um body com decotão nas costas e corri pra foto!

tlong3

 

tlonga2

 

tlonga1

tlonga4

Concordam que esse é “O LOOK” pra enfrentar as estações mais quentes do ano?

Body preto – Tia Alice (R$ 60,00)

Saia longa – Tia Alice (entre R$ 75,00 e R$ 100,00 a depender do tecido)

(informações sobre as duas peças no e-mail txia.alice@gmail.com)

Colares – Renner

Sandália (que não dá pra ver rs) – Taquilla

set
10
Look do dia: coqueiro, brisa e fala nordestina(tropicalismos)

Não dá pra desvencilhar a moda de nossa cultura, isso é fato. Não precisa ser caricato, mas é aquela coisa, me recuso a só aceitar o pretinho básico como um clássico quando, morando em um país alegre, em uma região quente cheia de praias, e vegetação, principalmente coqueiros, fica impossível não ver o tropicalismo ali, coladinho, no nosso dia-a-dia.

Sim, tô falando que a estampa tropical é um clássico. No meu guarda-roupas é. Por isso, o look de hoje é um combo body-saia longa, num jogo massa de mostra-esconde. Se o body deixa as costas nuas, deixo pra saia longa o papel de pouco revelar, eis o segredo do estilo, equilíbrio, sempre.

tropicalcap

tropical4

tropicaluno

tropicaltres

tropicaldos

fotos: J. Braga

Body – Tia Alice

Saia longa – Tia Alice

Pulseiras – antiguinhas, de lojas de bijuterias do Centro