O estilo de Alicia Vikander

AbAlicia

Alicia Vikander é atriz e dançarina, mais conhecida por seu papel em Anna Karenina, onde interpretou seu personagem, Kitty. Com uma beleza bem exótica, a sueca, não demorou muito, chamou atenção da galera da moda (e do muso Michael Fassbender, que é seu namorado atualmente), e não raro aparece em blogs renomados de street style.

Alicia faz a linha mais clean em eventos que não são red carpets, inclusive na maquiagem (usa sempre make leve), e muitos de seus looks facilmente podem ser usados no dia-a-dia de gente normal como eu, como vocês. Seus designers preferidos? Stella McCartney, a rainha minimalista, e Louis Vuitton, marca da qual é new face.

Alicia1

Já no tapete vermelho ela costuma ousar, usando shapes polêmicos, mas que ficam muito legais nela; bem por isso a atriz deve ter caído no gosto dos fashionistas, porque segura um look não unânime de maneira fodástica. Fazendo pesquisa sobre seu estilo a vi usando vestidos em tecidos nobres com fivelas em couro, um hi-lo maravilhoso!

Alicia2

Alicia3

O combo camisa e saia dela já tá na minha pastinha de inspiração de looks pra trabalhar, e esse vestido preto assimétrico já tá cotadíssimo pra ser minha próxima peça costurada por titia! Amei!

É por isso que o preto se amarra no branco(e o branco se amarra no preto também)

Nada mais apropriado que esse trecho da música do meu ídolo Bezerra da Silva pra começar esse post. E nem pensem que é sobre “tendência”: a mistura do preto com branco é um clássico, padronagens em preto e branco, por óbvio também o são.

Contudo, não dá pra fechar os olhos para o que as passarelas vêm nos mostrando, e nem muito menos passa batido o que a galera das ruas anda usando:  preto + branco, queridas leitoras, tá estourado!

E é um tal de calça branca com listras pretas, calça preta com listras brancas, estampas que mais parecem um tabuleiro de xadrez(ou bandeirinha da Fórmula 1, como queiram), losangos em preto e branco, listras na linha Beettlejuice (eooooo pisedeeeeô, quem nunca fez aquela coreografia da cena da janta, hein?), e no fim de tudo isso a polêmica da galera que acha um exagero as estampas p&b.

Na minha humilde opinião, e como verdadeira tiradora de onda da moda, eu amo muito tudo isso; acho que as peças p&b isoladas são lindas, mas as estampas xeque-mate, e as listras são uma verdadeira paixão minha, principalmente depois que titia fez uma calça listrada pra mim, e simplesmente fiquei alta, e magra hahaha, muito amor, gente, muito amor!

Pra quem não deu uma olhadela no que rolou nos desfiles gringos, separei algumas imagens. Na tela, Simões:

Imagem: reprodução

E pelas ruas, o preto super se amarrando com o branco, e o branco se amarrando no preto também:

Imagens: reprodução

Eu, que não sou boba nem nada, danada usando preto-e-branco:

Como já disse, as duas calças são Tia Alice, quem quiser encomendar, só dar um toque pelos comentários, ou mandar e-mail para [email protected], que informo todos os detalhes!

E aí, quem já se aventurou pelo preto-e-branco?

Com que bolsa eu vou?

Se tem uma coisa que me deixa mais aflita do que o cotidiano dilema feminino “com que roupa eu vou?”, é a dúvida sobre  que bolsa usar. Vários são os dias em que bate a preguiça, e eu saio toda trabalhada no estilo “Agostinho Carrara way of dressing”, e a bolsa, óbvio, nada a ver com o look. Geralmente isso rola quando me arrumo às pressas, como quando saio do muay thai, tomo banho e corro pra o francês, já atrasada. Tô ficando craque nisso.

Mas, como não quero que aconteça o mesmo a vocês, tratei de pesquisar umas dicas quentes de como coordenar bolsa e roupa, e ainda, como escolher a bolsa certa para cada ocasião. Quem vem, vem!

1 – Não importa se é Louis Vuitton ou C&A. Dá pra fazer uma forcinha financeira e comprar uma bolsa de cor e design mais clássico. Sabe aquela bolsa que combina com quase tudo? Então, é bom a gente ter uma. Eu amo de paixão a minha “Mulberry inspired” da Couro&Cia, uso direto;

2 – Tá louca pra se jogar nas cores sólidas, fortes, mas tem medo de um look todo “restártico/tirirítico”? Escolha um look neutro, e uma bolsa fechosa, centro das atenções, em cores bem chamativas;

3 – A preocupação é o dia-a-dia? Pra caber nosso infinito particular dentro, só mesmo bolsa grande, com vários compartimentos. E à noite? Bolsa pequena, afinal, chegar num barzinho com uma bolsa-sacola da Marisa azul Klein(ou azul cobalto, mesma coisa) é meio estranho…

4 – Vai pra uma festa e o look é paetizado, ou todo trabalhado no brilho? Opte por uma bolsa discreta, de cor opaca, e de textura mais simples. O chamariz do look é a roupa(nesse caso), não a bolsa;

5- E a tal da bolsa animal print, Rose, combina com o quê? Já dá pra perceber que uma bolsa de estampa de cobra, leopardo, o que for, já chama atenção por si só; logo, look neutro, s’il vous plaît;

6- Na escolha da melhor bolsa, tente harmonizá-la com sua altura. Desproporcionalidade é coisa estranha, mesmo. O espelho é seu melhor amigo, e é ele quem vai dizer se a bolsa ficou bacana, se “casou” com sua altura, seu tipo físico. Por isso teste, pendure a bolsa, se veja na frente do espelho, olhe se ficou digno. No fim das contas, quem vai dizer a bolsa ideal é você mesma, mais ninguém(nem mesmo esse post, que dá apenas algumas dicas);

7 – Sabe aquela história de que “os opostos se atraem”? Serve também pra escolha da bolsa. As de formato arredondado favorecem as meninas mais alongadas, e as bolsas de formas mais retas valorizam as mais cheinhas;

E agora que vocês já têm uma idéia acerca da bolsa ideal pra vocês, vamos ver uns modelitos de bolsas, pra gente se basear? Nunca é demais, concordam?

Bolsas “pra bater”: são as bolsas que a gente leva pra o trabalho, com toda nossa vida dentro. É bem dividida, tem um formato bacana, e não é tão pequenininha:

Bolsas para passeio: são aquelas bolsas que a gente usa pra visitar uma amiga, pra o supermercado(tá certo que não é passeio, eu sei :)), pra ir a um barzinho, ou pra qualquer outro lugar em que a gente não precise levar o mundo dentro, ou ainda, que possa ousar nas cores:

Bolsas de festa: geralmente são pequeninas. Os estilos “baú”, “clutch”, e “baby bag” são recorrentes em festas. Reparem nas formaturas e casamentos quantas meninas não tão usando esses modelos? Muitas, né?

E agora que vocês sabem com que bolsa vão, me contem? Qual a “queridinha” de vocês? Comentários abertos, a gente se fala por lá!