Listras reloaded

Já nem sei quantos posts já fiz por aqui sobre listras e, pode parecer repetitivo, mas é que as danadas são um clássico que vive se reinventado. Das listras das marinières pra cá, rolou muita coisa, e agora não se fala noutro assunto que não listras de todas as espessuras, cores…a gente pode seguir um estilo navy clássico, mas pode ousar também, reinventando um navy com os novos padrões de listras que estão aí. Podemos imprimir uma pegada urbana, ou podemos fazer a linha mais clean. O que elas – as listras – querem, é aparecer, adaptadas ao estilo da cada pessoa, e ao mood também.

Tenho algumas pecinhas listradas no armário, e amo. Na verdade difícil eu não gostar de uma estampa, ou padronagem. Tenho problemas com cores neutras, meus olhos curtem muita informação, e estampa, minhas amigas, enche meus olhos, piro demais!

listrascoloridas

As imagens que separei aí em cima são um aperitivo pra seleção que fiz aqui embaixo, com inspirações que não acabam mais de como se adaptar às novas versões das listras:

stripescolor

Muito amor pelas coloridas e por essas mais largas, acho que vou acabar cedendo e adquirindo mais uma peça listrada pro meu acervo!

Que me dizem dos looks e das listras reloaded? Arriscam?!!!

Adooooro! da semana: cropped + listras + saia lápis

O look de hoje é bem representativo de que o equilíbrio também funciona no vestir. Aliás, cada dia que passa fico mais fã dos orientais, em tudo! Vão me dizer que eles não mandaram bem com esse lance de Yin- Yang? Eu acho que esse símbolo tem que ser colado no lugar mais visível da nossa vida, pra gente se lembrar de aplicar em TUDO que fazemos, sério mesmo (pronto, já tô pensando em fazer uma tattoo com eles, affe).

Vejam que Mary, blogueira gringa que gosto, horizontaliza, verticaliza, mostra, e esconde, com uma maestria que olha, dá inveja! Explico: na composição abaixo ela joga listras horizontais, que achatam, porém a saia preta lápis verticaliza a silhueta; o cropped deixa a gente mais baixotinha, porém a mesma saia lápis vem e assume seu papel alongador por excelência (viram que os zíperes frontais também são uma sacada para verticalizar o look?).

20131020-220603.jpg

Incrível como uma composição aparentemente simples demanda autoconhecimento e uma boa dose de inteligência. Por isso que considero o ato de se vestir como uma mescla de ritual, e ciência exata.

assinatura2

Adooooro! da semana: Aimee em duas versões pra combater o calor!

Tem uns blogs de estilo que a gente cria uma apego emocional, porque sente que eles são sem afetação: Karla, do Karla´s Closet, o Love Maegan, e o Song of Style,da Aimee são exemplos do que tô falando.

Quem de vez em quando dá uma passadinha por aqui, já viu que postei bastante coisa dos dois primeiros citados, mas tava faltando falar um pouquinho dos looks da Aimee, com os quais me identifico demais.

E nessa semana eu vi o momento certo pra falar um pouquinho dela, porque vi em seu instagram duas composições com listras pra usar num calorzão, tipo o nosso do nordeste: uma delas usando uns tênis com padronagem floral lindos de viver…

…na outra ocasião, ela sacou da mala as espadrilhas, e persistiu nas listras, desta vez em forma de vestidinho…

Não sei se vocês acharam isso também, mas tô com a ligeira impressão de que ela pegou uns alfinetes e encurtou esse vestido na frente, pra ficar com uma discreta assimetria…notaram que a gente não vê o acabamento de máquina nele na frente? Bom, fazendo isso ou não, a verdade foi que gostei. Tudo simples, relax, mas muito compromissado com o estilo.

E é dela o adoro dessa semana.

Verticalizando/horizontalizando

No look desta quarta(vou tentar ser assídua, prometo), quase botei a perder o tecido dessa saia: vi o modelo no blog Fashion Chalet, achei um molde, cortei, e quando fui costurar, simplesmente não segui as dicas de titia e não alinhavei, e o que deu? A bicha ficou torta de um lado. Castigo? Descosturar a peça inteira pra titia me mostrar como costura malha com alta porcentagem de elastano, sempre alinhavando, senão a overloque “come” o corte inteiro.

E o dia foi salvo(mais uma vez) por Tia Alice, que também costurou essa camisa pra ela, e eu tomei de empréstimo só pra fazer par com minha saia horizontal/vertical:

Fotos: Jefferson Braga

Vamos aos créditos

Saia – Tia Alice/Eu

Camisa – Tia Alice

Colar – Presente de Rubis

Pulseiras – Eu e e-bay(decenário)

Espadrilles – Renner

VSMT: Tia Alice, dia 23

E quem disse que estampa com estampa não pode? Eis aqui o LINK para o meu post desmistificando a coisa.

Na prática, peguei meu short-saia Tia Alice(amo essa peça) e juntei com a camiseta listrada Cris Barros pra Riachuelo, e não é que funcionou(ou pelo menos acho que funcionou, quero comentários, tá?)?

No dia da minha saída do RJ fez um solzão danado, e esse foi realmente o melhor look para viajar de volta à Natal, já que lá fazia trintão, e aqui fazia trintaedoizão(ou mais)

Nos detalhes, pouca coisa: open boots Asos e coque com trança passando por baixo do cabelo. Ah, os óculos são Triton!

Então é isso, guéls, rumo ao vigésimo quarto dia! Que tal propor dicas de looks? Conto com vocês, hein!

VSMT: Tia Alice, dia 22

Hoje o VSMT conta com saião “listrado feliz”(feito por Tia Alice aos 45 do segundo tempo, quando eu tava pegando as malas pra viajar) e regatinha duas-em-uma, da Cris Barros para Riachuelo. Pense numa peça maravilhosa!

Pra passear por aqueles calçadões fervilhantes de Ipanema, ornei apenas com umas rasteiras da Myosotis, e cinto da Mix bolsas, mais velho que tudo no mundo!

…e por falar em listras, é importante que já comecemos a farejar peças com listras color blocking, que prometem bombar muito por aí nos próximos dias…olhem aí os looks das passarelas, pra gente não passar por mentirosa:

Portanto, meninas, fica a dica, que é forte!

Páginas12