Testei: Base HD Graftobian

 

Base_Graftobian

Engraçado que jurava que já tinha feito um post sobre essa base pra vocês, principalmente porque faz uns 3 anos que tenho essa base, e é o tipo de produto que a gente deve compartilhar, porque é bem bom, e bem em conta. Catando no arquivo do blog, vi que falei por alto em um post de fotos de Instagram, e fiquei CHO-CA-DA, pois não detalhei pra vocês a maravilha que é esse produto. Mas, antes tarde do que nunca, vamos falar sobre a base HD dos maquiadores do teatro e da TV, a Graftobian.

A Graftobian é uma empresa sediada nos EUA, e promete vender o melhor da maquiagem, a preços honestos. Detalhe: os produtos são cruelty-free, de utilização segura, e de alta qualidade. Será tudo verdade? Vamos conversar um pouco.

Quando eu comprei minha base HD, ela era vendida no Brasil por um preço bem alto; então, optei por comprar naquele esqueminha do Shipito, endereço americano. Entrei no site Camera Ready, revendedora autorizada da marca, e adquiri. Chegou bem rápido, porém demorei a testá-la, porque vocês sabem, produto americano começa a correr o prazo de validade quando aberto. Como eu tinha muita base na fila, aguardei, e abri realmente acho que no ano passado, e ontem, ajeitando minhas maquiagens, decidi que ia ser minha base até o fim do ano, pra não perder, né?

A razão da compra na época? Vi um vídeo da Juliana Paes (pra ver clica AQUI) se maquiando para uma novela, eu acho, e percebi que ela utilizou uma paleta da Graftobian…pronto, foi o suficiente pra eu endoidar pela base. Chutei minha cor, Lady Fair, e deu certíssimo, o palpite foi certeiro!

text_graft

E como é a textura da base, Rose? Ela é em creme, o que assusta a turma da pele mista/oleosa. Porém, devo confessar que, apesar de ser em creme, não é melecada, é um creme meio sequinho, fino, tanto que a proposta dessa base é justamente sobrepor camadas sem pesar (tem um vídeo AQUI mostrando direitinho). A cobertura é bem boa, tenho a pele um tico avermelhada, e ela cobre os pontos avermelhados, uniformizando a pele de maneira muito digna, e até deu uma cobertura nas olheiras :). Fiz foto pra vocês compararem(não reparem na falta de dignidade da foto, foi tudo por vocês hahahaha):

amostra_rosto_graft

Sobre a durabilidade,  para o clima do RN, ela segura bem, umas 3 a 4 horas, com um pó HD fininho por cima (uso o da elf).

Ah, Rose, mas nunca vi ninguém falando da Graftobian? Seguinte, acho que não tá nos planos da empresa ficar pagando jabá pra blogueira divulgar, até porque isso implicaria em um custo, às vezes bem alto, e se a intenção da marca é vender barato, vocês sabem, talvez não compense arcar com essa publicidade. Em verdade vos digo: a Graftobian só não tem esse cartaz midiático todo porque não “jabariza” seus produtos, e como as pessoas se prendem muito a marcas, e não à qualidade, não há uma divulgação tão grande. Porém, na maletinha de maquiadores bem famosos, principalmente aqueles de TV, teatro, desfiles, e editoriais SEMPRE tem algum produto Graftobian, podem acreditar.

O mais bacana é que desde que comprei minha base, a marca ampliou muito sua linha: tem produtos para maquiagem airbrush, pó solto, pó/base HD, paletas de corretivos com mais combinações, batons, delineadores, pincéis, e o melhor, o site Camera Ready agora entrega no Brasil, e tá com tudo da Graftobian em preço bem honesto. Quem quiser conhecer clica AQUI.

Pra finalizar, só pra vocês sentirem o drama dos produtos da marca, achei esse vídeo de uma oriental mostrando uma maquiagem para noivas, TV, etc utilizando produtos da Graftobian. Vale a pena conferir:

Ah, ia me esquecendo, muito embora seja uma ótima base, não sugiro utilizar na diária, e digo a razão: em épocas de BB, CC, e DD cream, tratar a pele é muito importante, proteger do sol também; então, para o dia-a-dia, melhor utilizá-los, é o que faço. Base, pra mim, só em eventos noturnos que peçam uma cobertura adicional de base ou, de dia, com protetor por baixo, quando a intenção também é uma cobertura extra, que o BB não dá.

Pra turma dos alérgicos, informo a composição da base: Caprylic/Capric Triglyceride, Octyl Palmitate (Ethylhexyl), Camauba Wax (Copernicia Cerifera), Petrolatum, Lanolin Oil, Bees Wax, Ozokerite Wax, Acetylated Lanolin Alcohol, PTFE, BHA, Silica, Phenoxyethanol, Isopropylparaben, Isobutylparaben, N-Butylparaben. May also contain: Titanium Dioxide, Iron Oxides, Talc, Ultramarines.

E é isso, espero que vocês tenham gostado desse post longo e cheio de detalhes sobre uma das bases que mais gosto. Tive que ser um pouco demorada na escrita, mas tudo foi pra auxiliar vocês na escolha de uma base ideal. Enjoy!

assinatura2

Pelo Instagram: Julho/Agosto/Setembro de 2012

Acho que pelo título do post, vocês pensaram que esse seria mais um daqueles posts cheios de imagens, já que tentei compilar três meses de Instagram por aqui. Que nada, selecionei poucas fotos, só pra forçar vocês a me seguirem por lá, acompanharem as fotitas “uppadas”, e comentarem, claro! (segue, galera, @roxy_queen)

Vamos a elas?

Pra começar, a gente vai falar um pouquinho sobre esse produto que tem um formato fálico bem esquisito, mas faz maravilhas para o seu cabelo: O After Party, da Tigi. Como o próprio nome diz, a gente usa o after party depois daquele estragão, seja depois de uma noite naquela formatura, seja quando a gente acorda de cabelón amassado, rebelde. O BH ajuda com os fios indisciplinados, dá um brilho maravilhoso, um cheiro perfeito, e também pode ser usado após a escova, ou prancha. tô gostando quilos desse produto, e queria um estoque de uns cinco, amigas que vão pras gringas, lembrem da louca aqui, tá?

Já a segunda imagem foi cooptada do amado, idolatrado, salve, salve Pinterest (me segue por lá, Rose Freitas, tô pedinte hoje), e espelha meu desejo por um scarpin neon. Primeiro porque eu amo scarpin, me sinto uma advogada tão chique quando uso haahaha! Ah, e depois porque neon, né, minha veia oitentista pula quando vejo alguma coisa “cheguei”, não dá pra segurar.  Sim, e como tudo por aqui é randômico, inclusive meu pensamento, saio dos pés, pra postar foto de um sorvetinho que aprendi a fazer em casa, quem quiser receita pede vídeo por aqui que eu ensino, é muito fácil, prático, rápido…tá, não é tão rápido, mas fica uma delícia.

Já na segunda fileirinha mais um produto de cabelo, que comprei às cegas, e me apaixonei: é o Sea Mist da John Masters Organics. Como minha obsessão é um cabelo ondulado de praia, ele justamente dá esse efeito, porque é feito à base de sal marinho, e ainda deixa o cabelo cheiroso, já que leva lavanda em sua formulação. TÔ ADORANDO esse bichinho, mas tenho pena de usar pra não acabar, coisas de quem sabe o sofrimento de esperar mais de 60 dias por mercadorias do exterior.

Ainda na linha beleza, mostrei pra vocês no Insta a base Graftobian, muito usada pelas artistas globais no mundo pós-HD. Gente, ela é muito perfeita, carésima no Brasil, mas na época fiz uma muganga e consegui comprar num site gringo que nem me lembro mais. Porém, acho que no E-bay já deve ter – bem como a faladérrima paleta de corretivos de marca – pra vender. Vale muito a pena, a pele da gente fica coisa de cinema.

E o que dizer dessa sainha de crochê que a mãe de Camilla Savana fez? Já tô com uns novelos neon pra encomendar mais duas, e quem quiser fazer sua encomenda, só gritar pela Camilla no Twitter, ou Instagram, que ela explica direitinho (@camillasavana). Em breve vai ter look com minha nova aquisição.

Na sétima foto, minha sainha nova, que também mostrarei por aqui. Essa foi mais um trabalho conjunto com titia, já que o tal do godê buraco, pra emendar no corpo reto da saia foi nível 10 de dificuldade pra mim. Mas um dia eu aprendo, não é possível. Também vai ter look mais pra frente. Já na imagem seguinte, tem festa de coisinhas pra criar uns vídeos pro blog, tentarei me organizar, porque tô cheia de ideias, mas ainda tô meio que organizando minha mudança, tá tudo muito bagunçado, paciência, amigas, vai rolar coisa boa, sim!

E esse meu flying knee? Me achei super Anderson Silva ó! Mas o melhor mesmo foram os treinos com o Rony Jason do TUF Brasil, fiquei tão feliz! Aliás, o muay thai me deixa muito feliz, acho que todo mundo deveria experimentar, faz um bem danado.

Nas imagens seguintes, mais aleatoriedades: pulseirinha fofa com um elefantinho, inspiração pra gente fazer em casa, meus tênis acesos novos, minha calça de corações Marisa muito lindinha, e alguns tecidos novos que comprei pra mim, um de folhagens, e outro com estampa náutica, que não vejo a hora virar camisa.

Por fim, um cinto de miçangas que levanta qualquer look, presente da minha friend Tati, que já desapega aqui em casa coisas lindíssimas, que segundo ela, só eu tenho coragem de usar. :)

Então é isso, ando mostrando muita coisa legal pelo Instagram, mas essa seleção resume o que achei de mais bacana pra compartilhar por aqui com vocês. Ah, quem também tiver Insta e quiser deixar o nome de usuário aqui nos comentários, fique a vontade, vai ser legal a gente se seguir, e fofocar por lá!