Domingo e macacão cut out!

Finzinho do domingo, aquela velha melancolia porque o fim de semana tá acabando já bate forte na gente. Se eu pudesse mandar no mundo, acho que tornava a segunda em dia não-útil só pra prolongar o findi e deixar nossa semana mais leve. Sim, sou como o Garfield, segunda não é lá um dia da semana agradável.

Mas não vamos antecipar o que  não precisa ser atencipado, vamos falar do look de domingo de sol maravilhoso que fez em Natal.

Hoje, pra espantar o calor, resolvi estrear meu macacão cut out que titia fez pra mim, em malha geladinha, leve, com estampa floral, uma maravilha. Quem dá uma passadinha aqui pelo blog já se ligou que faz um tempo que conto pra vocês sobre peças cut out, com recortes…podem apostar, já pegou pegando, e nada de dizer que você não é magra pra usar, blá, blá, blá, que dá pra fazer com recortes que valorizem as partes que merecem ser valorizadas, e esconder as que merecem ficar guardadinhas.

cutoutta3

cutoutta1

cutoutta2

cutoutta4

Fotos: Jeff Braga

Como macacão é uma peça inteira, a gente já se livra da necessidade de coordenar duas peças ou mais, o que é muito bom, porque sobra tempo pra escolha dos acessórios. No caso, um brinco em madeira, uma pulseira imitando madeira, e um colar de camurça com pingente de lâmpada resolveram o meu look. A bolsa? Uma bucket em veludo, pra dar aquele ar setentinha que eu tava buscando.

Explicado o look, simbora pros créditos: macacão, Tia Alice (encomendas, dúvidas, e estampas e cores sólidas da peça comigo, ou através do email [email protected]); sandália, Crysalis; colar, Forever 21; brinco, lojinha de 1,99; pulseira, Renner; Bolsa, Santa Lolla.

Look de domingo: Cut out body

Já disse pra vocês um zilhão de vezes que não gosto de frio, e bem por isso não curto ficar postando looks outono/inverno…sei lá, aqui em Natal não existe outono/inverno, no máximo uma época com ventinhos agradáveis, umas chuvas desmanteladas e indecisas e só. Pra mim, essa época do ano é massa pra antecipar os looks primavera/verão, então coloquei meu body cut out na rua, meu shortinho customizado, e fui, feliz da vida, e confortabilíssima curtir meu domingão!

Tá certo que vocês só vão ver looks do gênero lá pra o fim desse mês, mas que besteira, quem liga pra tendência? Eu quero é leveza!

wbody5

wbody4

wbody3

wbody2

Wbody1

Fotos: Jefferson Braga

Body – Tia Alice (preço sob consulta , mais informações em [email protected])

Shorts – Shortinho comprado na Marisa e customizado por mim. Quer um? Acessa o vídeo AQUI!

Sandália rasteirinha – City Shoes

Lenço e pulseiras – comprei certamente nessas lojinhas de bijuterias do Centro, há muito tempo!

Óculos – Ebay

Do domingo: deu nó

Antes de mostrar pra vocês o look do dia, gostaria de deixar meus pêsames a todos os familiares dos jovens que faleceram em Santa Maria, Rio Grande do Sul. Foi uma tragédia de proporções gigantescas, e infelizmente, o que nos resta é orar pelas almas destas pessoas, e pedir a Deus força para que suas famílias possam seguir em frente, com muita dor no coração, mas que possam apenas seguir.

Dito isso, o look de hoje traz um vestido que promete ser sensação: cortado nas laterais, e com um nó central. Titia fez um estampado pra mim(posto por aqui essa semana), longo, e fez esse curtinho preto. Lembrando às clientes dela que ela tem várias estampas, e várias cores lisas, tanto mais sóbrias quanto mais alegres, como lima, amarelo, verde água, pink…só ligar pra ela e encomendar(eu também sou atravessadora, então, contatos comigo também hehehe).

Dado o alto nível de sensualidade do vestido, o fotógrafo #tremeucasmão e faltou foco na foto acima. Favor, pensar que foi uma foto artística.

Fotos:Jeferson Braga

O vestido, como eu escrevi lá em cima, é Tia Alice, o preço é mara, falo nos comentários. Os sapatos são Asos, os brincos e pulseiras de lojinhas de bijuterias do Centro.

Da quinta que era pra ter subido quarta: vestido com recortes laterais

OIOIOI!

O post de hoje traz meu mais novo xodó, um vestido com recortes laterais que titia fez pra mim, e que vai abrir pra encomendas restritíssimas, apenas 5 exemplares, e só pras meninas de Natal, porque ele tem que ser feito ultra-mega-super sob medida, caso contrário, não fica conforme o esperado.

Eu tinha esse tecidinho na minha cestinha de tecidos, e tava super inclinada a fazer uma camisa, até que apareceu a oportunidade de fazer algo mais bacana com ele: um vestido cut-out do jeitinho do da Top Shop, girlie em grau máximo, porque nem de calça jeans vive a mulher, não é mesmo?

O resultado? Confiram abaixo:

Fotos: Jefferson Braga

Vestido – Tia Alice, R$ 110,00, 5 estampas únicas disponíveis. Encomendas somente no e-mail [email protected] até a próxima quarta, e válido apenas para as natalenses

Pulseiras – E-bay, Renner(a de folhinhas), e lojinha de 1,99 do Centro

Sapatos – Casa com Sapato

Peças com recortes: Será que agora vai?

Não sei se vocês se lembram, mas há cerca de um ano, um ano e meio, as peças cut-out, com recortes, deram seu ar da graça. Pouca gente notou, quase ninguém aderiu. Lembro que até hoje tenho um vestido fofo cut-out, mas nem me empolguei pra titia fazer os ajustes, tá com etiqueta e todo marcado com agulha encostado…

Só que, pelo que ando vendo, o cenário agora me parece outro: as peças com recortes têm sido cada vez mais recorrentes, tanto lá fora (aTop Shop tá bombando com vestidinhos de discretos recortes laterais – como o da chamada do post lá em cima – fruto de muita pesquisa das semanas de moda de lá,  certamente), quanto aqui; o Fashion Rio, que rolou essa semana, não me deixa mentir. Sabe aquela sensação de que agora vai? Pois é…

A verdade é que eu, que olhava meio torto pra os recortes laterais, já tô amando os vestidos midi com recorte frontal, como o da Farm da foto abaixo, e até já fiz o meu parecido com o da Top Shop, não quero mais tirar do corpo, ficou fofo!

As famosas lá fora, já faz um tempinho, vêm adotando os recortes nas peças, principalmente os laterais. Tá aí Emma Watson que não nos deixa mentir, e causou com esse vestidinho lilás, que até mostrei no blog dia desses:

Eu gostei mesmo foi desse da Diane Kruger, queria mesmo!

E se vocês pensam que não temos adeptas do estilo no Brasil, Thaila Ayala chega e mostra que AMA peças cut-out desde a primeira onda, marolinha na verdade.

Tá certo, esse macacão não ficou lá essa coisa de bonito, aliás, ficou horrível, mas pra o vestidinho branco a gente tem que dar o braço a torcer, né, ficou fofo!

O que me chateia um pouco é o fato dessa onda com recortes ser lá democrática, já que pede uma cinturinha, no caso dos recortes laterais, sem gordurinha sobrando. A saída que enxerguei foi subir o recorte para o colo, as costas (em forma de coração fica mara!),   e pronto, a gente democratiza o que a priori era restrito a silhuetas mais fininhas.

Depois dessa exposição toda, a pergunta que fica é: estão prontas pra usar esses recortes todos? Será que agora vai?