Ultraviolet, a cor de 2018 de acordo com a Pantone

pantone2018

 

Recentemente, a Pantone soltou para a nós a cor de 2018, que é a Ultraviolet. Explicando porque essa cor foi eleita, a empresa informou que ela representa a originalidade, ingenuidade, e pensamento visionário que aponta para o futuro.

Segundo Leatrice Eiseman, diretora executiva do Instituto de Cor Pantone “Nós estamos vivendo num tempo que requer inventividade e imaginação. Esse tipo de inspiração criativa é inerente ao ultravioleta 18-3838, um roxo azulado que eleva nossa consciência e potencial a um nível mais elevado. Explorando novas tecnologias ou uma galáxia maior, ou mesmo expressão artística e reflexão espiritual, a intuitiva ultraviolet ilumina o caminho que estar por vir”.

Como a gente pode ver, o tom escolhido pela pantone é muito ligado ao chamado “mindfullness”, à serenidade, à sabedoria, mas também se liga à contracultura, sendo um dos tons mais usados por Bowie, Hendrix, Prince. Se vai pegar, não sabemos, só 2018 irá nos dizer, mas eu confesso que já curti, e pelo menos na make, e nos sapatos, o ultravioleta já rolou pra mim!

Pra dar uma ajudinha ilustrada do que nos espera próximo ano, não só na moda, lembrando que a Pantone é muita barra, e não só na moda a gente vai ver esse tom bombando: beleza, decoração, e arquitetura vão trazer muito ultraviolet, podem esperar:

muralultraviolet

Fotos: Reprodução

Adoooro! da semana duplo: meninas do streetstyle

O adooooro! da semana excepcionalmente sai hoje, porque minhas imagens ficaram no bonitinho do note que deu um bye-que-bye-bye-bye lindo pra mim.

Mas, deixa estar, comecemos a semana com dois looks super inspiradores: um, um color block que considerei até calminho, nada chocante, porém muito bonito; o outro um look básico, porém que mostra o segredo da boa montação, suas escolhas de acessórios e cortes diferenciados das peças.

Bom lembrar que ambos os looks foram extraídos do blog Stockholm Streetstyle. Deixei os créditos, por razões bem óbvias:

Nunca pensei que um blazer dessa cor pudesse ficar sem cara de “azul escola municipal”. Só mesmo essa mocinha, com um senso fashion do tamanho da galáxia pra juntar mostarda, azul e verde, e ficar tão harmônico!

Nesse outro look, quem disser que não prestou atenção à assimetria da blusa, à bolsa(viram que ela tem borla pendurada, os famosos tassels que falei aqui no blog?), às sapatilhas e aos óculos, tá mentindo.  Tudo ornou perfeitamente, e esse é o segredo para combinar acessórios!

Me digam: qual deles agradou mais, o look 1, ou o 2? Comentários abertíssimos!

Carlos Miele e os looks que eu quero pra mim

Podem falar que a inspiração de Carlos Miele são os jet setters que eu nem ligo…também, com essa coleção facinho de copiar, e que faz a gente se perder em devaneios profundos, tudo se supera, amiga!

Me inspirando nos looks em 3, 2, 1…

Eu estou numa vibe muito forte de pantalona, e nem me importo se sou a própria “baixinha invocada”; continuo usando e querendo mais…tá bom que não chego a tanto de querer uma fechosa bicolor destas, mas a largura DESSA PANTALONA é uma coisa de linda!

Carlos Miele soube como ninguém adivinhar o que as meninas primavera-veranistas querem: sempre frescor, às vezes cores, ou apenas pontos de cor no mundaréu dos tons neutros(por ponto de cor leia-se: cinto, clutches, sandálias…). Basta ver o trio acima que tudo se faz muito evidente.

E o que dizer dos 3 looks abaixo? Ah, CM, seu lindo, tô com uma noite de sono a menos, já que passarei essa noite toda delirando com a coleção…

Luxo, poder e sedução.

Guia prático de (outono)inverno 2011, segunda(e última) parte

Hoje vamos correndo, ligeiro, para a segunda parte do big resumo de outono/inverno. Muita coisa a gente já tá vendo pelas ruas, mas não custa nada reforçar, e ainda dar algumas novas idéias de como usar o hype da estação.

Afinal, para os dias de dúvida no que vestir(no meu caso, todo dia é dia de dúvida), dicas de montação são sempre boas, né?

  • ANIMAL PRINT

Dispensa comentários, né? Se me perguntassem que padronagem é representativa de 2011, eu diria, sem medo de ser feliz, que é a padronagem animal print. Esteve na primavera, no verão, e apareceu lindo e sorridente no outono/inverno, ora fazendo um casal perfeito com peças em chamois, ora  recebendo toques de brilho.

  • XADREZ

Se o floral, a priori, é a cara da primavera/verão, xadrez é a cara do outono/inverno! Mas não pensem que ele também não apareceu no verão passado…é aquela coisa, existem xadrezes, e xadrezes. Quer apostar no xadrez invernal? Escolham o pied-de-poule, ou o tartan, ambos padronagens mais representativas das estações mais frias do ano.

Apenas a título de curiosidade, um dos xadrezes “cara do verão” se chama madras, mais abertinho, cores mais leves, etc…

  • CORES

…e de novo o color blocking. O tom de alegria do inverno é dado pelos blocos de cores; eles apareceram em vários desfiles, e  tão dando pinta de que ficarão na primavera/verão 2012. Para apostar.

Dica: para as menos ousadas, escolham somente um ponto de cor(ou seja, uma peça colorida + outra neutra), que já tá valendo!

  • BRILHOS

Muito glamour no inverno! Paetês, lamês e similares ilustram capas e editoriais de revista desde dezembro de 2011, e bombaram tanto, que as fast-fashion trataram de fabricar suas pecinhas pra vender pras amigas loucas por tendências acessíveis.

  • HANDMADE

Crochê, cambraia bordada, renda renascença, tecidos naturais…tudo isso permanece no inverno. O handmade – como até já falei em um post no blog – não é tendência, mas sim uma mudança de pensamento da moda mundial, que vem levantando a bandeira da sustentabilidade, e valorização de tudo que é natural, artesanal.

  • TRANSPARÊNCIA

Apesar de não gostar muito de transparência, tenho o dever moral de informar pra vocês que ela chegou chegando, repleta de volumes e bordados, e querendo passar longe da vulgaridade. Sta. Ephigênia e Filhas de Gaia exibiram muita transparência em suas coleções de outono inverno. Para as mais corajosas.

  • SAIA LONGA

Saia longa virou meio que um mantra no mundo bloguístico. Não entendi o frisson, até mesmo porque sempre tive lá minhas saias longas e vestidões sempre à disposição. Para mim, saia longa é uma peça-chave, e, apesar de eu ser baixinha, não me sinto vetada de usar o saião. O espelho é meu melhor amigo, e quando visto uma, ele me diz que tá legal…então…

E é isso, prezadas leitoras, este é nosso pequeno guia de inverno(porque outono tá meio que acabando), e já tô aqui muito loucona pra postar o que vem na primavera/verão 2012. Me aguardem!

Adooooro! da semana duplo: Giz-Bun e Kristen Bell

Duas sim; porque uma tava super clássica, e a outra usou o color blocking de uma maneira tão descontraída-chic, que mereceu seu lugar ao sol no “Adoooro!”

Com vocês, Giz-Bun, de Victoria Beckham:

O preto básico é o clássico que se repete em todos os guarda-roupas, ou seja, vamos encontrá-lo tanto dentre as peças de sua amiga mais próxima, quanto no imenso closet da celebridade mais top do momento.

Já nossa eterna Veronica Mars, pra mim, é imbatível; ela tem exatamente todas as peças que eu quero ter, me identifico demais. Amei o duo spencer azul cobalto + T-shirt com listrinhas technicolor:

Imagens: reprodução

Dupla pra lá de autêntica!

A Tal da calça vermelha…

Devo confessar que tenho um certo asco à tendências uníssonas. Essa historinha de TODOS, eu disse, todos os blogs de moda falarem apenas e tão somente em um assunto só por dias(a calça vermelha) me chateou um pouco. E eu, que tava doida por uma, fui perdendo tanto a empolgação que já tava me conformando em uma sainha, ou um short-saia bem legal na cor vermelha, só pra pontuar um look neutro.

Porém, essa foto que acabei de ver,  fez renascer em mim a vontade de usar a tal da calça “encarnada”, só pela beleza da composição:

Imagem: Reprodução

Revendo meus conceitos.

Páginas12