Peça-Desejo: Camisa com babados Miu Miu

abmiumiu

 

Eu amo camisa. Na minha vida, ela tá na correria do dia-a-dia do trabalho, e nos looks de lazer. As minhas preferidas? As de algodão, porque não esquentam, e deixam a gente sempre arrumadinha!

E hoje vou falar pra vocês sobre um modelo de camisa que já tava faz um tempinho na minha pastinha de inspirações: a camisa com babados da Miu Miu, que foi desfilada na coleção de inverno 2015 da grife, e que bombou no street style das semanas de moda do hemisfério norte. O desfile foi uma mistura de eras, um verdadeiro passeio pelas décadas de 50, 60, 70, e 80…foi de encher os olhos, as referências eram inusitadas, indo de Lady Di a Talking Heads.

Quando vi no Instagram, eu pirei na camisa, porque é um modelo diferente de todas que eu tenho; faz uma linha bem vintage, e aparenta ser em algodão, ou seja: PERFEITA pra mim!

runwayMiu2015

Quem viu o snap de Victoria Ceridono ontem, percebeu que ela usou esse modelo, a camisa azulzinha da imagem acima pra ser mais precisa, e combinou só com jeans e um scarpin nude, mostrando que ter uma peça dessas no guarda-roupas torna a montação mais prática, uma vez que, como o modelo e a estampa chamam a atenção, bastam peças mais básicas pra ornar com a camisa.

Separei alguns looks de street style só pra vocês terem uma ideia da lindeza que fica uma composição que tem essa camisa da Miu Miu como peça-chave:

pratMiu2015

O modelo sem manguinhas em estampa com vermelho é um amor, né não? Já quero uma parecida pra ontem, gente, como faz???

Beijos e até o próximo post!

 

 

Para se maquiar em casa, parte 2: Os “ajudantes” do make!

Nessa segunda parte, vou mostrar pra vocês alguns itens que nos auxiliarão a fazer um make digno de profissa, só que em casa! À primeira vista, eles podem parecer dispensáveis, mas vocês, quando começarem a praticar mesmo, verão que são super necessários.

Vamos a eles?

CURVEX: Não, não é um instrumento de tortura do tempo da inquisição, e ele não vai cortar seus cílios, isso se você usar direitinho. O curvex se parece com uma tesoura, mas sua função é justamente moldar os cílios, deixando bem “curvos”. Pras iniciantes, aconselho usar um curvex baratinho, e testar: moldem os cílios de um lado com eles, e depois passem boas camadas de rímel. Agora veja o outro lado, sem rímel e curvex…como ficaram os olhos? O aparelhinho fez diferença? Pois se apressem e comprem um!

ESPONJA: Serve para passar o pó, base, ou até deixar um aspecto mais natural na pele. Para dar esse efeito leve, umedeça a esponja, tire o excesso de água, e dê leves batidinhas, ou delicada espalhada na pele. As esponjas mais legais são aqueles em formato de queijo, ou de ovo, porque dão uma boa espalhada, e não deixam placas na pele.

COTONETES: Fez um make preto e borrou o olho? Escorregou no delineador? Para evitar a retirada total do make, molhe um cotonete no demaquilante e corrija. Simples assim. A galera que fabrica os cotonetes sabe tanto que a gente usa pra isso, que até já criou cotonete com uma pontinha mais fina, para tirar o borrão somente daquela área definida. Bom, né?

ALGODÃO: Serve para preparar a pele (sim, ela precisa de limpeza e tonificante antes do make, e passar com o algodão é o mais indicado), e tirar o make.

DEMAQUILANTE: Para remover a maquiagem, e dormir com a pele respirando, limpinha, limpinha.

Alguns demaquilantes que recomendo: Vult, Olay, La Roche(Toleriane), e o bom e velho duo higiapele/xampu Johnson.

APONTADOR: Super ajuda quando o lápis quebra. Os apontadores mais legais são aqueles duplos, para apontar lápis normal e lápis “jumbo”. Tenho um da Avon há tempos e nunca nem cegou, muito bom mesmo!

ESPELHO: Essencial. Pra quem não tem espelhão pra fazer make, aqueles redondinhos, com grau, atendem super bem! Eu tenho o meu, porque sou cegueta, e preciso fazer o olho beeem de perto, senão fica um make desfocado.

E é isso, prezadas leitoras, basicamente é disso que a gente precisa pra se aventurar no mundo do make do-it-yourself. Aguardo vocês nos próximos capítulos.